Início / Literatura / Resenhas de Livros / Resenha | Madrugadas de Desejo, de Jayne Fresina

Resenha | Madrugadas de Desejo, de Jayne Fresina

Um jogo de mistério e sedução que não terminará a menos que os dois se entreguem.

A Inglaterra do século XIX é elegante, charmosa e aventureira. Um lugar onde é difícil não se deixar levar pelos deliciosos (e perigosos) jogos que lords e ladies libertinamente experimentam. Não poderia ser diferente na bela Brighton, o lar de Ellie Vyne e James Hartley: inimigos declarados desde a infância. Ellie sempre foi uma mulher de ideias a frente de seu tempo, temperamento forte, ousada e, principalmente, avessa a todas as tentativas de suas irmãs para lhe arrumarem um marido. Afinal, com 27 anos era um absurdo ainda perambular sozinha por aí. E é claro que James, um dos solteiros mais cobiçados da cidade, fazia questão de deixar clara sua desaprovação. Durante suas misteriosas escapadas, Ellie rouba algo muito precioso de James, que não terá paz até descobrir a identidade do ladrão. Querendo ou não, eles estão cada vez mais próximos. Como resistir ao charme de James e levar sua mentira adiante? Nesse jogo de perdição, Ellie arriscará tudo, inclusive seu coração. Enquanto James tenta desvendar o segredo da jovem, o desejo proibido que surge entre os dois será capaz de romper com todas as regras da alta sociedade inglesa.

Resenha

Ellie Vyne e James Hartley, inimigos desde a infância se encontram de forma inusitada em um baile de máscaras em Brighton, e dai em diante ficam mais próximos do que jamais teriam imaginado.

A história é ambientada na envolvente Inglaterra do século XIX. E entre escândalos, noivados desfeitos, fofocas sobre sua reputação, um jeito nada convencional de ganhar dinheiro para sustentar o padrasto excêntrico e duas irmãs que tentam o tempo todo arrumar um casamento para ela – Ellie se vê envolvida com James, um solteirão cobiçado e fanfarrão, além de seu inimigo número um.

Madrugadas de Desejo é divertido, romântico e sedutor. Sou fascinada por romances de época, e a história que surge entre Ellie e James de um simples acordo firmado entre eles, e a descoberta do segredo que Ellie tentou a todo custo esconder – algo muito precioso que ela tinha em mãos da família Hartley, levou-os a várias situações engraçadas e de contendas.

A narrativa é fluída, envolvente e sensual, nos deparamos com algumas cenas picantes entre esses dois personagens briguentos e impetuosos.

Adorei a escrita da autora, não achei as cenas quentes ofensivas, ela soube dosar aventura, romance e erotismo de forma perfeita.

Personagens e cenários bem construídos.

Uma história leve que diverte e envolve. Aventureira e romântica.

Recomendo.

Sobre Rê Souza

"As melhores viagens da minha vida eu fiz sem sair do lugar." "Uma paixão chamada livros" Rê

Leia Também

Resenha | O Outro Lado, de Flávio Assunção

Em O Outro Lado, o leitor acompanha a jornada de um serial killer que acredita …

Resenha | O Par Perfeito, Livro 3 – Trilogia A Pousada, de Nora Roberts

Mesmo sendo conhecido como o mais durão dos irmãos, Ryder Montgomery deixa as mulheres aos …

  • RUDYNALVA SOARES

    Rê!
    Adoro os romances de época, porque sempre trazem costumes, vestimentas e uma sociedade totalmetne diferente da nossa.
    E se tem erotismo e sensualidade, gosto ainda mais.
    Muito boa sua análise.

    “Um bom poema é aquele que nos dá a impressão de que está lendo a gente
    … e não a gente a ele!”(Mario Quintana)

    cheirinhos

    Rudy

    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!