Início / Literatura / Resenhas de Livros / Resenha | Uma vez na vida, de Marianne Kavanagh

Resenha | Uma vez na vida, de Marianne Kavanagh

Uma história de amor, encontros e…. desencontros! Conheça Tess. Obcecada por roupas vintage, ela está sempre enrolada no emprego que detesta e em dúvida sobre seu namorado bonitão Dominic, que conheceu na universidade. Morando em um adorável apartamento com sua melhor amiga, Kirsty, ela poderia se considerar uma pessoa de sorte. Mas se sua vida é tão perfeita, por que ela se desfaz em lágrimas toda vez que pensa no futuro? Conheça George. Um músico brilhante que divide seu tempo entre brigar com os companheiros de sua banda de jazz e se preocupar com o pai doente. Mas ele sabe que a vida não é só isso. Deve haver mais alguma coisa. Algo especial. Tess e George são duas partes de um todo, almas gêmeas. Para a sorte deles, seus amigos em comum sabem que eles são feitos um para o outro. O problema é que eles não se conhecem e, sempre que a oportunidade aparece, a vida chacoalha os dois para longe. E agora? Se todos têm uma alma gêmea, como o destino faz para uni-los? Acompanhe a história divertida e apaixonante de Tess e George durante uma década de encontros malsucedidos, frustrações românticas e uma dúzia de recomeços. Uma vez na vida é uma comédia romântica moderna e inteligente sobre amizade, destino e oportunidades perdidas e reconquistadas!

Resenha

Alguém de vocês acredita em alma gêmea?

Ah… eu acredito e é algo lindo e romântico a se pensar.

Hoje vamos conhecer a história de Tess e George, almas gêmeas, que em uma década só conseguiram se desencontrar, por mais perto que chegassem e até estando no mesmo ambiente, contratempos aconteciam e os mantinham separados sem a chance de se conhecerem pessoalmente por mais que seus amigos tentassem um encontro entre os dois.

Tess, ama roupas vintage, da década de 1.942, segunda guerra mundial, romântica, doce, com um coração enorme e solidário é infeliz com seu emprego e cada dia que passa começa a sentir dúvidas sobre o que sente realmente por seu lindo namorado Dominic, – que na minha opinião, não tem nada a ver com ela.

George, músico, amante de Jazz, tenta a todo custo fazer com que sua banda decole, mas logo se casa e tem seus sonhos jogados fora.

Stephenie esposa de George, rica, bem sucedida, fria, controladora e muito megera,- que em nosso mundo moderno seria intitulada como prática, faz com que a vida de George seja vivida pela metade e passa a maior parte do tempo sendo manipulado por ela.

Mas quem disse que o destino não faz acontecer?

Uma vez na vida é romance sentimental do início ao fim. Aqui a autora escreve sobre relacionamentos, sonhos, encontros e desencontros, altos e baixos, tudo sobre amor e sentimentos, nada sexual, somente alma e coração, tudo de maneira fluida e divertida, fazendo com que a leitura fique leve e agradável.

A autora escreve de maneira diferente, primeiro livro que leio que no lugar de travessões em diálogos ela usa aspas. No início a gente fica meio perdida, mas depois engrena e a leitura flui.

Escrita rica em detalhes e a medida em que Tess e George se desencontram  e seguem rumos diferentes em suas vidas mas sempre sentindo que falta algo na vida de ambos, nos vemos ir cada vez mais fundo na leitura para saber como será o final para esses personagens apaixonantes.

Não tem como ler esse livro e não se apaixonar por ele, por Tess e George.

Uma vez na vida é daquelas leituras suaves e amorosas, para fins de tarde de inverno, aconchegada no sofá com uma manta fofinha e uma caneca de chocolate quente.

Romântica. Apaixonante. Divertida

Achei a capa simples e muito bonita, páginas amarelas, edição perfeita.

Uma história de amor, encontros e.... desencontros! Conheça Tess. Obcecada por roupas vintage, ela está sempre enrolada no emprego que detesta e em dúvida sobre seu namorado bonitão Dominic, que conheceu na universidade. Morando em um adorável apartamento com sua melhor amiga, Kirsty, ela poderia se considerar uma pessoa de sorte. Mas se sua vida é tão perfeita, por que ela se desfaz em lágrimas toda vez que pensa no futuro? Conheça George. Um músico brilhante que divide seu tempo entre brigar com os companheiros de sua banda de jazz e se preocupar com o pai doente. Mas ele sabe…

Uma vez na vida

Uma vez na vida

Excelente!

Uma vez na vida é daquelas leituras suaves e amorosas, para fins de tarde de inverno, aconchegada no sofá com uma manta fofinha e uma caneca de chocolate quente. Romântica. Apaixonante. Divertida

Sobre Rê Souza

"As melhores viagens da minha vida eu fiz sem sair do lugar." "Uma paixão chamada livros" Rê

Leia Também

Resenha | 1+1 – A Matemática do Amor, de Augusto Alvarenga e Vinícius Grossos

“Não lembro muito bem como eu e o Bernardo nos conhecemos. Até onde sei, ele …

Resenha | A Terra Inteira e o Céu Infinito, de Ruth Ozeki

Uma vez, um velho Buda falou: Para o ser-tempo, parado no cume da montanha mais …