Início / Papiro News / Especial Halloween | Top 5 – Capas Mais Assustadoras

Especial Halloween | Top 5 – Capas Mais Assustadoras

Olá pessoal, tudo bem??

O Papiro Digital está participando de um Especial de Halloween organizado pelos blogs Guilda dos Leitores e Pausa para um Livro, em parceria com a Editora Darkside. É claro que não poderíamos ficar de fora de um gênero que amamos.

Serão postagens especiais que sairão a cada semana deste mês! E nesta semana: Top 5 – Capas Mais Assustadoras:

O problema aqui é que normalmente capas de livros não me assustam nem um pouco, mas vamos lá…

1. A Coisa

A_coisaSinopse: Durante as férias escolares de 1958, em Derry, pacata cidadezinha do Maine, Bill, Richie, Stan, Mike, Eddie, Ben e Beverly aprenderam o real sentido da amizade, do amor, da confiança e… do medo. O mais profundo e tenebroso medo. Naquele verão, eles enfrentaram pela primeira vez a Coisa, um ser sobrenatural e maligno que deixou terríveis marcas de sangue em Derry.

Quase trinta anos depois, os amigos voltam a se encontrar. Uma nova onda de terror tomou a pequena cidade. Mike Hanlon, o único que permanece em Derry, dá o sinal. Precisam unir forças novamente. A Coisa volta a atacar e eles devem cumprir a promessa selada com sangue que fizeram quando crianças. Só eles têm a chave do enigma. Só eles sabem o que se esconde nas entranhas de Derry. O tempo é curto, mas somente eles podem vencer a Coisa. Em It : A Coisa, clássico de Stephen King, os amigos irão até o fim, mesmo que isso signifique ultrapassar os próprios limites.

2. O Exorcista

o exorcistaSinopse: Nos Estados Unidos da América, algo muito estranho acontece. Atingida por uma doença que os melhores especialistas não conseguem descobrir, uma criança caminha para a morte, semeando a destruição à sua volta, ao mesmo tempo que se vai apagando numa agonia atroz. Quatro décadas após chocar o mundo inteiro, a obra de terror de William Peter Blatty permanece uma metáfora moderna do combate entre a fé e o profano na forma de um dos romances mais macabros já escritos. Publicado pela primeira vez em 1971, O Exorcista tornou-se não só um fenómeno literário como um dos livros mais assustadores e controversos alguma vez escritos. A história centra-se em Regan, a filha de doze anos de Chris MacNeil, uma ocupada actriz que reside em Washington D.C. A criança aparenta estar possuída por um demónio ancestral e cabe a dois padres a dura tarefa de o exorcizar, arriscando a sanidade e a própria vida. O Exorcista transcendeu as páginas escritas e saltou para o grande ecrã, onde se tornou uma referência incontornável do cinema. Mas se pensa que o filme é assustador, leia o livro. Até porque o filme nem chega a aflorar a ponta do iceberg! Propositadamente crua e profana, O Exorcista é uma obra com a capacidade de nos chocar, levando-nos a esquecer que «é apenas uma história».

3. Nas Montanhas da Loucura

HP_LovecraftSinopse: H.P. Lovecraft foi e continua sendo um autor muito estranho, em se tratando da sua pessoa e da sua literatura. Mesmo sem nunca ter-se afastado das suas raízes em Providence, na Nova Inglaterra, viajou com sua mente e a sua imaginação até lugares, comarcas e paisagens nunca antes entrevisto por ninguém. Pelo menos em sã consciência. Lovecraft sempre sonhou, dormindo ou acordado. E conseguiu viver a morte, chegando lúcido no fundo do pesadelo. De lá voltou para conter o que viu, embora sua língua fosse insuficiente para transmitir aquilo que apenas sabia que existia, oculto pelas aparências da normalidade.

Um dos grandes clássicos da literatura fantástica do século XX, Nas montanhas da loucura é uma importante chave interpretativa para toda a obra de H.P. Lovecraft. Sob o manto glacial da Antártida, uma expedição científica promovida pela Universidade do Miskatonie descobre surpreendentes indícios de civilização muito anteriores à humanidade em nosso planeta.

4. O Massacre da Serra Elétrica

darkside-massacre-serra-eletrica-capa (1)Sinopse: Do mesmo diretor de clássicos do cinema de terror, como Poltergeist (1982, parceria com Steven Spielberg), e de Pague para Entrar, Reze para Sair (The Funhouse, 1981), o cultuado “O Massacre da Serra Elétrica” marcou o inconsciente coletivo com seu serial killer mascarado. Em 1974, o filme de horror de baixo orçamento e sem estrelas causou pânico entre os censores, ao mesmo tempo em que arrancou dos fãs as mais diversas manifestações de júbilo e alegria, e continua ainda hoje tão poderoso e impactante quanto quando lançado, 30 anos atrás. Agora, com “O Massacre da Serra Elétrica”, você vai conhecer tudo sobre esta obra incomparável do medo, escrito por alguém que é fã do assunto. O livro do músico e escritor Stefan Jaworzyn reúne histórias dos bastidores dos filmes da série, perfis do diretor e do psicopata que inspirou o longa, críticas da época, além dos relatórios que recomendavam a censura do filme, tudo amplamente ilustrado com fotografias raras e inéditas da filmagem e os cartazes que a obra ganhou mundo afora.

 

5. A Mulher de Preto 2

Sinopse: Durante a Segunda Guerra Mundial, a Grã-Bretanha é devastada por bombas alemãs. Enquanto os desafortunados encontram seu fim em meio a escombros e explosões em uma Londres arruinada, os sobreviventes buscam proteção nas estações de metrô e as crianças são enviadas para a zona rural para fugir do horror da Blitz.

A professora Eve Parkins é responsável por um desses grupos de crianças que segue para o campo. O destino: a Casa do Brejo da Enguia. A nova residência, localizada em um pântano e sempre encoberta por uma espessa bruma, agora está reformada e pronta para servir de escola e abrigo. Porém, existe algo na casa que deixa a jovem professora inquieta. Um mofo preto que parece se esgueirar pelas paredes, pesadelos angustiantes e um ruído aterrador vindo do porão à noite.

Edward, uma das crianças do grupo, tem um passado trágico. Após testemunhar a morte da mãe em um ataque aéreo, ele se retrai completamente. Sempre afastado, busca consolo em um fantoche que encontra na casa. No entanto, longe de ser apenas um brinquedo, o boneco parece servir de instrumento para o menino conversar com alguém.

Logo os novos residentes da Casa do Brejo da Enguia percebem que há mais uma pessoa entre eles. E ela parece ter planos para os visitantes.

Sobre Cleson Cruz

Sou potiguar com muito orgulho, pai e marido. Engenheiro Eletricista e Designer Gráfico de formação. Gosto muito de música e cinema. Sou viciado em séries de tv. E leio muito quadrinhos e livros desde a minha tenra infância.

Leia Também

Quiz | O que você sabe sobre livros de terror?

Se você gosta de literatura de terror, quer testar seus conhecimentos sobre os autores e …

Resenha | Horror na Colina de Darrington, de Marcus Barcelos

Em 2004, Benjamin Simons deixa o orfanato em que viveu desde a infância para ajudar …